Quais São os Nomes do Acompanhamento Terapêutico: Terapia Sem Fronteiras, Amigo Qualificado, Ego Auxiliar, Clínica de Rua, da Cidade, do Cotidiano, Fazer Andarilho?

Compartilhe o bem!
  • 28
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    28
    Shares

Quais São os Nomes do Acompanhamento Terapêutico: Terapia Sem Fronteiras, Amigo Qualificado, Ego Auxiliar, Clínica de Rua, da Cidade, do Cotidiano, Fazer Andarilho?

Como você perceberá, há várias maneiras de “nomear” a nossa prática de cuidado em qualquer lugar: o Acompanhamento Terapêutico.

Isso mostra a pluralidade do campo, com vários clínicos, pesquisadores, professores, escritores, teorias, modos de fazer tratamento, etc.

Podemos iniciar o processo de reflexão levando em consideração o resgate histórico feito pelas psicólogas argentinas Susana de Mauer e Silvia Resnizky (1987).

Com elas, podemos dizer que o “nome” Acompanhamento Terapêutico foi criado em 1971 em Buenos Aires, na Argentina.

No seu primeiro “batizado” o Acompanhamento Terapêutico recebeu o nome de “amigo qualificado”.

Em 1971 começamos a trabalhar numa equipe especializada nas denominadas terapias de abordagem múltiplas. Esta equipe tomava a seu cargo pacientes severamente perturbados, que, em geral, procuravam as consultas em momentos de crise. (…) O trabalho do acompanhante terapêutico (…) Surgiu como uma necessidade clínica em relação a pacientes com os quais as abordagens terapêuticas clássicas fracassavam. (…) o papel do acompanhante terapêutico teve suas origens na Argentina (…) Numa primeira etapa, Eduardo Kalina optou por chamá-lo de ‘amigo qualificado’. A mudança de denominação não foi um fato trivial. Implicou uma mudança quanto à delimitação e ao alcance do papel. (…) Quando se empregava a expressão ‘amigo qualificado’, acentuava-se , como é evidente, o componente amistoso do vínculo; no entanto, ao substituir-se aquela pela atual denominação, acentuou-se o que de terapêutico tinha este tipo de função… (MAUER; RESNIZKY, 1987: 35, 37, 39).

Quais São os Nomes do Acompanhamento Terapêutico: Terapia Sem Fronteiras, Amigo Qualificado, Ego Auxiliar, Clínica de Rua, da Cidade, do Cotidiano, Fazer Andarilho?

Curso AT Grátis!

Quais São os Nomes do Acompanhamento Terapêutico: Terapia Sem Fronteiras, Amigo Qualificado, Ego Auxiliar, Clínica de Rua, da Cidade, do Cotidiano, Fazer Andarilho?

No começo de sua história o Acompanhamento Terapêutico mostrava-se como um recurso clínico das psicoses, que ia de encontro a uma lógica que desejava deixar a pessoa que é rotulada de louca dentro de hospitais psiquiátricos.

Ou seja, desde sua origem a clínica, o AT mostra essa ruptura com o “modelo de saúde” que busca isolar, controlar para depois “tratar”.

O Acompanhamento Terapêutico nasce com essa vontade de acompanhar o sujeito (rotulado de louco ou psicótico) pelas ruas da cidade.

Ele buscava tratar o doente que estava isolado do convívio social.

Quais São os Nomes do Acompanhamento Terapêutico: Terapia Sem Fronteiras, Amigo Qualificado, Ego Auxiliar, Clínica de Rua, da Cidade, do Cotidiano, Fazer Andarilho?

Várias outras denominações foram e ainda são utilizadas e criadas para representar essa prática clinica muito ampla.

Como rápidos exemplos cito: clínica de rua, clínica da cidade, clínica do cotidiano, fazer andarilho, terapia sem fronteiras, ego auxiliar, amigo qualificado, atendente grude, auxiliar psiquiátrico, atendente psiquiátrico, terapeuta social, etc.

Quais São os Nomes do Acompanhamento Terapêutico: Terapia Sem Fronteiras, Amigo Qualificado, Ego Auxiliar, Clínica de Rua, da Cidade, do Cotidiano, Fazer Andarilho?

E você, como prefere chamar o Acompanhamento Terapêutico?

Aproveite o espaço de comentários e compartilhe suas reflexões sobre “denominação” do AT com a nossa comunidade!

Livro de Acompanhamento Terapêutico (AT)

Autor: Alex Tavares – Psicólogo (CRP 07/11807), psicoterapeuta, mestre em Psicologia (UFRGS), professor e supervisor em Acompanhamento Terapêutico no Portal Dr.

Quais São os Nomes do Acompanhamento Terapêutico: Terapia Sem Fronteiras, Amigo Qualificado, Ego Auxiliar, Clínica de Rua, da Cidade, do Cotidiano, Fazer Andarilho?
5 (100%) 16 vote[s]

  • 28
    Shares

Você quer comentar?